Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2009

COMO ELABORAR UM RELATÓRIO DE QUÍMICA

Como elaborar um relatório Física e Química A1 O RELATÓRIO Os resultados das suas actividades práticas podem ser importantes para outras pessoas. Deve, por isso, elaborar um relatório para os apresentar. O seu caderno de notas deve conter toda a informação necessária de forma acessível para si. O relatório final deve continuar a ter toda a informação, mas organizada de forma acessível para o leitor médio. Para a apresentação de um relatório experimental deve seguir algumas regras básicas tais como sejam... 1. O primeiro componente do relatório deve ser a introdução, onde é indicado o objectivo, o interesse do trabalho e ainda informação teórica que se julgue pertinente para fundamentar o trabalho prático. A introdução pode não ser o primeiro texto a escrever, mas deve aparecer no começo do relatório para ajudar o leitor, antes de entrar no tratamento detalhados dos resultados experimentais. 2. A introdução deve ser seguida da descrição do material e dos m

Como pesquisar na Internet de forma eficaz

ESCOLA SECUNDÁRIA DE S. LOURENÇO PORTALEGRE BE/CRE Como pesquisar na Internet de forma eficaz Na Internet pode encontrar-se muita informação, mas se usarmos algumas técnicas, podemos poupar algum tempo. Na página http://e-criar.sapo.pt/ encontra-se informação sobre como PESQUISAR de forma eficiente na Internet. Guia orientador de pesquisa DEFINIR De que assunto quero saber mais? O que pretendo saber? A que perguntas quero responder no meu trabalho? LOCALIZAR A INFORMAÇÃO Onde posso encontrar o que pretendo? Que recursos existem na escola e que eu posso usar? Preciso de outros recursos para além dos existentes na escola? Onde os posso encontrar? Quais os recursos que são adequados à minha idade? Como posso encontrar o que pretendo? CLASSIFICAR O que encontrei? Onde fui buscar a informação? (bibliografia consultada ou registo de outras fontes) SELECCIONAR -1ª leitura Da informação que encontrei, o que é importante para este trabalho? O que devo sublinhar

BIG 6

Big6 é um dos modelos mais usados para o desenvolvimento de competências ao nível da informação e tecnologias. Criada por Mike Eisenber e Bob Berkiwitz, a Big6 (Grande 6?) pretende estimular a literacia neste domínio e está implementada em muitas escolas dos EUA, em todos os níveis de escolaridade. Através deste modelo, os alunos conseguem ultrapassar qualquer tipo de problemas, decisões ou tarefas através de uma estratégia de resolução de problemas baseada na informação. Os estágios deste modelo são seis, daí o nome de BIG6: 1. Definição da Tarefa 2. Estratégias de procura de Informação 3. Localização e acesso a Informação 4. Utilização da Informação 5. Síntese 6. Avaliação

SUGESTÕES PARA FAZER UM TRABALHO ESCRITO

De uma maneira geral, um trabalho deverá ter a seguinte organização : 1. CAPA; 2. ÍNDICE; 3. INTRODUÇÃO; 4. DESENVOLVIMENTO; 5. CONCLUSÃO; 6. BIBLIOGRAFIA. CAPA - Fazem parte da capa os seguintes elementos: Nome da escola; Disciplina ou área a que se destina; Título do trabalho; Identificação do(s) autor(es) : Nome do aluno ou grupo de alunos que elaboraram o trabalho; Ano, turma e número(s); Ano Lectivo em que o trabalho foi feito. ÍNDICE ---- No índice apresentam-se os capítulos e subcapítulos do seu trabalho com as correspondentes páginas. Deve apresentar-se o nome ou a designação das partes que constituem o seu trabalho. A cada uma delas corresponderá uma numeração. Os títulos e subtítulos devem aparecer, ao longo do trabalho, com a mesma numeração e o mesmo tipo de letra com que foram apresentados no índice. 3. INTRODUÇÃO - A introdução é uma apresentação sumária do seu trabalho e deverá conter resumidamente o que vai tratar e como o irá fazer. Quem vai

ELABORAR A BIBLIOGRAFIA

1- Autor (primeiro o apelido) 2- Título (sublinhado ou em itálico) 3- Número de edição 4- Local de edição 5- Editora 6- Data Ex: FERREIRA, Vergílio. Aparição . 4ª ed., Lisboa, Bertrand, 1992. Ex: HIERNAUX, Jean. A Diversidade Biológica Humana . Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 1998. (Nota: procura estes elementos na capa, contracapa e no interior do livro) Se tiveres dúvidas na elaboração da bibliografia, consulta o seguinte livro: CEIA, Carlos. Normas para Apresentação de Trabalhos Científicos . 3ª ed., Lisboa, Editorial Presença, 2000. Está na biblioteca à tua espera!

COMO SE FAZ UM COMENTÁRIO A UM TEXTO

1- LER atentamente o texto: as vezes que forem necessárias até o compreender. Pelo menos duas vezes, mesmo que seja de fácil compreensão; 2- À medida que se lê o texto, devem APONTAR-SE os conceitos e palavras/vocábulos dos quais não conhecemos o significado; 3 - Depois de lido o texto (as vezes que forem necessárias), CONSULTAR UM DICIONÁRIO E/OU UMA ENCICLOPÉDIA , no sentido de encontrar as respostas a todas as palavras e expressões que dificultavam a compreensão daquele; 4 - IDENTIFICAR se é um texto autónomo e independente ou se é um excerto de um texto (um texto completo ou parte de... ); 5 - IDENTIFICAR o género literário a que o texto corresponde (se é prosa, se é poesia, que tipo de poesia, etc... ); 6 - INDICAR o tema do texto, ou seja, a ideia fundamental do mesmo; 7 - Para a compreensão de um texto é, muitas vezes, necessário DIVIDI-LO em partes; 8- Se se tratar de um texto de opinião e for exigido um COMENTÁRIO CRÍTICO do texto, é necessário contra-argume

COMO ELABORAR UM COMENTÁRIO A UM FILME

Dados completos do filme: Sinopse (resumo), História, Locais da acção, Personagens, Curiosidades, Ficha Técnica e Opinião. a) Sinopse (resumo) - Um máximo de cinco linhas que resuma o filme. (Poucas linhas que devem dar uma ideia geral de toda a história.) b) História - Esta é a parte maior do texto (25/30 linhas). É desejável que o texto não conte o final da história, de forma a despertar a curiosidade do leitor. c) Locais da acção - Parte geralmente muito pequena, (5 a 10 linhas), pois é uma breve descrição dos locais onde se passam a acção (País, cidades, etc). d)Personagens – Personagens que participam na história. e) Curiosidades - Fica ao critério de quem elabora a crítica ao filme: podem ser coisas curiosas da história, das personagens, incongruências no argumento, falhas na arte, etc. f) Ficha Técnica – Título do filme, ano, realizador, argumento, elenco, produtor, género, duração, prémios, nomeações. g) Opinião - Opinião sobre o filme.